[RESENHA]: O Colecionador de Lágrimas - Augusto Cury



#SINOPSE:
"Um professor especialista em nazismo e II Guerra Mundial, começa a ter insônia e pesadelos, como se estivesse vivendo as atrocidades do Nazismo. A partir disso o passado passa a ser vivo para ele. Em um ponto de desatino, sobe na mesa da sala de aula e diz que os alunos são parceiros de Hitler. Sua intenção é, na verdade, provocar a sensibilidade e a curiosidade de seus alunos. Bem quisto por alguns, mas muito criticado e até processado por outros, ele é banido da universidade. Mas fica famoso recebendo diversos convites para conferências enquanto se esconde de um estranho complô nazista que tenta a todo custo assassiná-lo. Seu reconhecimento como grande historiador faz com que receba um convite de cientistas alemães, que pesquisam uma máquina complexa, financiada pelas forças armadas e que usa a teoria da relatividade e da quântica para conseguir viajar no tempo. Mas por que ele? O convite então se torna claro: tudo o que os alemães querem é alguém com competência suficiente para voltar no tempo, matar Hitler e mudar a história. Apesar de eliminar todo o mal causado por Hitler, conseguiria ele chegar à infância do ditador e assassiná-lo. Faria ele esta atrocidade?" 




#RESENHA:
Ganhei O Colecionador de Lágrimas, de Augusto Cury em março desse ano, no meu aniversário. Alguns amigos já haviam lido e comentado comigo, mas eu não me interessei muito. (talvez, até por desleixo) No entanto, a regra básica do bom-senso é: “Se eu ganhei um livro de presente, é meu dever lê-lo”. (Seria uma desfeita imensa, não ler um livro que alguém lhe presenteou).

Dessa forma, eu decidi começar a leitura dele. Já havia lido outro livro de A. Cury e gostei muito, principalmente devido ao fato como ele desconstrói brilhantemente a mente e a personalidade de seus personagens, mostrando as fraquezas, os medos e as angústias. Talvez por esse motivo O Colecionador de Lágrimas consegue ser tão fascinante.

Entusiasmei-me mais a ler, quando percebi a dedicatória do autor: 
“ Dedico esse romance histórico/psiquiátrico a todas as vítimas do Holocausto, em especial às crianças, que deveriam ser tão livres no jardim da existência quanto as borboletas nos bosques floridos, mas infelizmente foram cruel e impiedosamente ceifadas [...] Dedico-o também aos mais importantes e dos menos valorizados profissionais das sociedades modernas: os professores. [...] Os professores são heróis anônimos, com uma mão escrevem num quadro, com a outra mudam a humanidade quando iluminam com seu conhecimento a mente de um aluno.”
Retratar um dos momentos mais trágicos da humanidade requer um domínio de conteúdo imenso. No entanto, o autor como psicólogo e professor, não deixou a desejar em nenhum momento. É interessante as suas proposições a respeito da personalidade de Hitler e de seus comparsas. Como um austríaco, conseguiu a hegemonia de uma das nações mais cultas da Europa, ao se declarar filho da Alemanha.

Hitler é o personagem principal, que não faz parte do contexto atual em que a história é narrada, enquanto os personagens do contexto são apenas peças para compor o objetivo do livro. Além disso, através de discussão com seus fiéis alunos, Julio Verne acaba expondo a infância de Hitler, com a falta de credibilidade por parte do pai e superproteção por parte de mãe. Hitler como teve uma infância conturbada, precisou utilizar de práticas exageradas – como seu bigode inusitado – para chamar a atenção, visto que ele tinha necessidade de estar sob os holofotes; era um exibicionista nato.

Paralelamente a isso, Augusto Cury consegue explicar com argumentos consistentes o que levou a ascensão meteórica de Hitler no comando da Alemanha, passando de um simples soldado mensageiro para III Reich.

O interessante também é a aposta de tornar Julio Verne um alvo dos nazistas, (mesmo na atualidade  com o nazismo, teoricamente extinto) e a sua predestinação para lecionar, criando mentes pensantes e não repetidores de ideias. Arrisco-me a dizer que todos que leram esse livro, se viram na necessidade de participar de uma das aulas desse magnífico professor.

Augusto Cury revoluciona com O Colecionador de Lágrimas, criando um romance reflexivo, extrapolando as margens do livro didático de história e abrindo espaço para rever conceitos e ideais.
Por conseguinte, é impossível contar uma parte do livro sem soltar um mega spoiler, revelando o acontecimento ímpar das últimas páginas, o que eu não ousaria fazer a vocês.
Recomendo a leitura, a qual é bem simples e interessantíssima.


Quem gostou do livro, fiquei atento pois o volume dois logo, logo, será publicado!!  

#CONHECENDO UM POUCO MAIS DO AUTOR:

Augusto Jorge Cury, nasceu em 2 de outubro de 1958 na cidade de Colina, São Paulo. Ele é um médicopsiquiatrapsicoterapeuta e escritor.
Seus livros já venderam mais de 16 milhões de exemplares somente no Brasil, tendo sido publicados em mais de 60 países. Foi considerado pelo jornal Folha de São Paulo o autor brasileiro mais lido da década.
Além disso, ele é diretor da Academia de Inteligência, instituto que promove o treinamento de psicólogos, educadores e outros profissionais. Desenvolveu o projeto Escola de Inteligência que tem como principal objetivo a formação de pensadores através do ensino das funções intelectuais e emocionais mais importantes para crianças e adolescentes, tais como, o pensar antes de reagir, a proteção de sua emoção, o colocar-se no lugar dos outros, expor e não impor as suas ideias
- Para maiores informações a respeito do autor, visite a página: http://www.augustocury.com.br/

 P.s.: Não deixem de comentar. Seus comentários são muito importantes para a gente.

10 comentários:

  1. Eu já tinha ouvido falar sobre este livro, mas nunca me interessei, não faz bem o meu estilo, mas quem sabe um dia eu não dê uma chace? Pode ser. Vou pensar seriamente nisto. A resenha me fez ter uma vontadezinha de dá uma olhada no enredo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É bem interessante a forma de narrativa do livro.. Sobre uma das maiores feridas da humanidade, vale a pena ler sim :)

      Excluir
    2. Olha o Livro em Audio MP3 O Colecionador de Lágrimas

      Baixa e deixe um comentario
      http://www.4shared.com/rar/jE5TZG2p/O_Colecionador_de_Lgrimas_Audi.html

      Excluir
  2. Havia visto o livro numa breve passagem por uma livraria. A capa, de imediato, me chamou muita atenção. O meu livro preferido, até hoje, é "o futuro da humanidade" (do mesmo autor). Enfim, não vejo a hora de ter esse livro em minhas mãos.

    ResponderExcluir
  3. Quando vai lançar o próximo volume????

    bjs, viverserfeliz-renata.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Plum,
      O segundo volume já foi lançado. Chama-se: Em busca do sentido da vida

      Beijo

      Excluir
  4. Oi adorei.. muito obrigado, amei a maneira que vc usou para descrever essa resenha...me fez se interessar pelo livro....mas vc já leu o livro reverso escrito pelo autor Darlei... se trata de um livro arrebatador...ele coloca em cheque os maiores dogmas religiosos de todos os tempos.....e ainda inverte de forma brutal as teorias cientificas usando dilemas fantásticos; Além de revelar verdades sobre Jesus jamais mencionados na história.....acesse o link da livraria cultura e digite reverso...a capa do livro é linda
    www.buqui.com.br/ebook/reverso-604408.html

    ResponderExcluir
  5. Eu não gosto muito de ler livro não, mais esse livro aqui esta muito bom ! Estou esperando o sefundo , pois quero saber oque vai acontecer com ele depois que ele entro na máquina do tempo ... E a mulher dele que ele deixou gravida. Será que ele volta ?! Que venha o segundo livro !

    ResponderExcluir
  6. Queria saber qual a moral da história..? *estou fazendo um trabalho porém não cheguei em uma conclusão*

    ResponderExcluir
  7. Eu achei interessante do ponto de vista histórico, é nítido todo um trabalho de pesquisa feito sobre o assunto. Porém, a parte ficcional soa bastante pretensiosa e anacrônica, além de deixar muito patente a influência de obras como operação Cavalo de Troia, Operação Walkiria e até mesmo o Mundo de Sophia :D

    ResponderExcluir

Olá, leitor

Obrigado pela visita. Espero que tenha gostado do material do post. Tenha certeza que ele foi preparado com muito carinho na intenção de agradar você, leitor. Sintam-se convidados para compartilhar suas impressões, comentários e opiniões sobre o assunto. É sempre um prazer receber sua visita. Voltem sempre!

- Leio todos os comentários e respondo sempre que tiver tempo!
- Os comentários que não tenham relação com o post NÃO serão retribuídos, isso envolve, convites para promoções, conhecer novos blogs e spams.
- Ao fazer seu comentário, deixe seu link que eu adorarei fazer uma visita ao seu blog.

Obrigado pelo comentário :D

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...