[RESENHA]: O Pequeno Príncipe - Antoine de Saint-Exupéry

Olá, lindxs, 
Tudo bem?! Espero que sim! 

Não sei se já tive oportunidade de confessar-lhes o meu amor por O Pequeno Príncipe; uma obra que transcende gerações e encanta milhões de pessoas ao redor do mundo. Escrita por Antoine de Saint-Exupéry, esta obra atemporal e repleta de predicados é digna de edições cada vez mais belas. Partindo desse pressuposto que a Geração Editorial, publicou uma nova edição lindíssima e luxuosa dessa obra e eu tive a honra de conferir esta história, mais uma vez.

Desde que li Le Petit Prince, pela primeira vez que meu coração transbordou de amores. De 2007 para cá, eu já o reli apenas dez vezes. A cada nova releitura, eu percebo reflexões nunca antes evidenciadas. A cada nova releitura, uma nova quote é descoberta e a cada nova releitura, uma passagem diferente me marca. Esta resenha é essencialmente subjetiva porque é impossível falar de amor sendo coerente e O Pequeno Príncipe é amor.

A obra acompanha a jornada de um piloto de avião (frustrado por ter seus dotes artísticos desprezados na infância) que sofreu um acidente aéreo em pleno deserto africano. Enquanto conserta sua aeronave e economiza seus recursos, ele se depara com uma tímida criança de lindos cabelos loiros a lhe pedir:
"Por favor... desenhe um carneirinho para mim!" (p.  18)
Assustado com aquela cena incomum e lutando contra a estranheza da situação, decide desenhar um carneiro para acalentar a desconhecida criança de voz doce. No entanto, após uma série de exigências do pequeno rapaz, eis que o piloto passa a compreender quem é aquela pessoa e o porquê dela estar no deserto. Gradativamente, o piloto passa a conhecer e se tornar amigo do inesquecível Pequeno Príncipe. 

Logo de cara, o piloto conseguiu perceber que seu amigo não permitia que uma pergunta morresse sem resposta. Irresoluto e decidido em suas ideias, o Pequeno Príncipe cativou o piloto e passou a confessar-lhes como chegou no deserto (de carona com uma caravana de pássaros selvagens).
Seus relatos são regados de maturidade e reflexões possíveis apenas aos olhos de uma criança. É preciso cuidar de sua criança interior e não deixá-la padecer para que se compreenda a magnitude desta obra. 

Torna-se impossível não acreditar nesta narração e na delicadeza de sua trama. Toda a viagem da pequena criança de cabelos louros como o trigo é narrada de forma lúdica, fantasiosa e sensível.
Eu sou completamente fã deste livro e não consigo elencar pontos positivos. A obra é perfeita em sua completude. Com este livro pode-se inferir o quão sábias são as crianças, uma vez que são puras e íntegras. Se todos nós víssemos o mundo pelos olhinhos de uma criança, o mundo seria melhor de se viver.

O piloto e o princepezinho trocam experiências, relatos sábios e maduros e conseguem encontrar o sentido da vida. De tão singela, esta obra tem a ferrenha capacidade de nos deixar tristes. Tristes por percebermos como negligenciamos a criança que reside em nós. Tristes por termos nos tornado adultos preocupados com números, status, fama e bens materiais quando o essencial é invisível aos olhos. 

Nesta releitura, uma quote em especial me chamou a atenção porque condiz com a fase que estou vivendo agora. Como a maioria sabe, eu saí de casa para estudar. Fui aprovado em Medicina na Universidade do Estado da Bahia (UNEB) e tive de largar minha família, amigos e livros na minha antiga cidade. Por conta disso, é inevitável não me sentir com o coração apertadinho de saudade. Então, esta quote foi muito especial para mim e traduziu o que venho sentindo:
"Corremos o risco de chorar um pouco quando nos deixamos cativar..." (p. 115)
A Edição de Luxo da Geração Editorial está tão belíssima quanto a história! Com arabescos, detalhes em dourado, capa dura e folhas coloridas compõem o exemplar físico. Sem mencionar que a tradução de Frei Betto está maravilhosa. Uma das melhores traduções desta obra. Gostei da conservação das aquarelas do Antoine de Saint-Exupéry, uma vez que fazem parte da história e sem elas, o livro não seria tão perfeito.
Devo ressaltar que há um apêndice, contendo fotos e informações acerca da vida e obra do Saint-Exupéry. Conhecer o criador do meu princepezinho foi uma experiência incrível!
Estou afoito para relê-lo mais uma vez!
Delicado - Singelo - Perfeito - Encantador - Lindo
 Leitura é recomendadíssima, sem sombra de dúvidas! Reconheço que a resenha não ficou tão legal, porém lembre-se da teoria do "inversamente proporcional", quanto mais difícil for falar de um livro, melhor ele é.
AVALIAÇÃO GERAL:

Espero que tenham gostado! Espero que leiam e se permitam cativar pelo Pequeno Príncipe!
Não deixem de comentar! 

17 comentários:

  1. Adriano!!! Quem se deixou cativar pelo Principezinho a gente logo reconhece, pois a sua doce filosofia nele se reflete! Vejo tua existência como metáfora do Principezinho!
    E mais! Que sintonia, hein?! Semana passada ( de 03 à 06/03/15) aconteceu a jornada pedagógica da nossa escola. Advinha que assunto veio à tona? Isso mesmo! O Pequeno Príncipe surgiu em meio a nossas reflexões e se configurou em tema para algumas das oficinas de Linguagens que acontecerão em determinados sábados letivos. Idealizaremos uma dinâmica para compartilharmos sua história/ensinamentos com os nossos pupilos. Aberta a sugestões! Melhor, vou torcer para que possa estar por aqui e contribuir com alguns desses momentos! <3
    O Pequeno Príncipe é meu livro de cabeceira. Não conto as vezes que a ele já recorri, nem quantas já o li, mas de uma, em especial, não me esqueço: quando o li para minha filha ( ela tinha de 3 para 4 anos), lia alguns capítulos por dia com ela no colo enquanto ela olhava para longe, me interrompendo em alguns trechos para alguns questionamentos ( época dos porquês) Muito mágico! Resultado? Você e outros bem o conhece! A quem não, dou a chance! http://1000-vidas.blogspot.com.br/
    Para justificar suas falas da última vez que nos vimos eu usaria essa quote "É preciso que suportemos duas ou três larvas se quisermos conhecer as borboletas".
    Amo esse livro INTEIRINHO e quando vejo essa busca humana desenfreada por tudo ao mesmo tempo a quote que ecoa em meus ouvidos é essa "Os homens de teu planeta cultivam cinco mil rosas num mesmo jardim… e não encontram o que procuram…”
    Alias, o diálogo INTEIRINHO entre ele e a raposa é o que podemos chamar de SABEDORIA!
    Amei a postagem! Vou recomendar sua leitura quando tivermos trabalhando com as oficinas!
    Boa Sorte para a próxima semana!

    ResponderExcluir
  2. Desculpa aí! Me empolguei e fiz um mega cometário. :D http://www.diariodeletramento.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Cara, esse livro <3
    Não tem como não amá-lo. É o segundo post que vejo sobre ele só hoje, e essas edições lindas da Geração, estão me matando. Minha mão coça pra comprar todas. HUISAHAS Tenho apenas a de bolso azul, enfim.
    Não tem mesmo como transferir numa resenha tudo que esse livro passa. É uma obra que deve ser lida por todos, mais do que recomendada. E lida mil vezes, sim. ahahhaha
    beijos Adri,
    whoosthatgirrl.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. OOoi Adriano!!

    Acho que sou a unica do mundo que ainda não leu O Pequeno Principe, falta de oportunidade. Vi que essas edições estão liiiiindas mesmo, vou comprar a minha logo, tava super barata e a qualidade está linda.
    Lindo saber que você se identificou com alguns trechos do livro, desejo que você seja super bem sucedido nessa sua nova fase, a saudade vem, mas é por uma ótima causa. Sucesso sempre!

    Beijinhos,
    www.entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
  5. eu i o pequeno príncipe, e acreditas que eu n achei tudo isso? pois é. eu achei bom, mas sei lá, não me emocionei nem nada como a maioria das pessoas.
    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uma pena que não tenha gostado :/
      Sinto que alguém precisa encontrar sua criança interior antes que ela padeça de uma vez por todas!
      Beijo

      Excluir
  6. Ola Adriano confesso que fiquei com inveja branca de quem recebeu esse livro, a edição está linda, ilustração maravilhosa. Sou encantada por esse livro. A quote que destacou perfeita . E em cada quote um emoção sempre é despertada em nós. Livro maravilhoso. abraços

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  7. Oi Adri, tudo bem?
    Eu li esse livro quando era muito jovem e não entendi a magnitude que ele representa. Agora, mais velha, conversando com uma amiga, ela começou a me explicar várias mensagens que estão implícitas no livro e eu não acreditei. Esse autor é um gênio!!!! Tudo tem um significado, a menor palavra, a menor frase, tudo, tem algo por trás. Esse livro é uma verdadeira escola. Eu quero relê-lo, é claro. Mas na verdade, eu queria que algum professor o interpretasse, pois percebi que o alcance dele é muito maior.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Como assim a resenha não está legal!? Está com certeza maravilhosa. Bom, shame on me, mas ainda não li "O Pequeno Príncipe" acredita? Pois é, nem eu acredito. Enfim, deve ser um livro maravilhoso, e que a cada vez que a gente reler, a gente aprende alguma coisa nova. Não deixar a criança em nós morrer é a coisa mais importante, e ver o mundo pelos olhos de uma criança é a coisa mais mágica que existe. E é verdade, se todos fizessem isso o mundo seria um lugar muito melhor de se viver. Essa edição deve estar realmente muito bonita!!

    Adorei a resenha!!

    Beijinhos,

    Rafa // Vamos Falar de Livros?

    ResponderExcluir
  9. Oie, Adriano!
    Que edição linda, sou extremamente apaixonada por ela. Não tem nem o que falar sobre essa diagramação de tão perfeita que ela é! Amei cada detalhe assim como amo o livro. E quero conhecer um pouco mais sobre o Antoine!
    Com carinho,
    Celly.

    Me Livrando ❤

    ResponderExcluir
  10. Adriano, isso é um amor em forma de livro <3
    Minha primeira experiencia com a história foi justamente nessa edição de Luxo e eu não poderia ter ficado mais encantada. Amei descobrir que várias frases de efeito tão conhecidas saíram desta obra.
    Amei demais.

    Beijiinhos ;*
    Andressa - Blog Mais que Livros

    ResponderExcluir
  11. Oi Dri... eu também li o pequeno príncipe e não achei tudo isso... é bonitinho, mas só... posso até estar sendo um pouco insensível, o que geralmente não sou, porque sou a sensibilidade em pessoa... mas ele não me remeteu tudo isso... claro que a visão da obra pode ser inter´retada de várias formas e para todos os gostos... e que bom que o livro pra ti é tão incrível a ponto de lê-lo mas de 10 vezes... se pra você trouxe ensinamentos e reflexões já está valendo e muito.... O lado bom de você resenhar esse livro foi que como sempre sua resenha ficou maravilhosa... e vir aqui lê-la pra mim é um enorme prazer vc sabe disso... Xero!

    ResponderExcluir
  12. Oi, Adriano!
    O Pequeno Príncipe é vida demais!
    Não tem como não amar esse livro. E essa edição da Geração, meu Deus, tá a coisa mais linda!!!!
    Faz jus a belíssima história que conta.

    Beijinhos
    Jaque - Meus Livros, Meu Mundo.

    ResponderExcluir
  13. Também sou louca por O Pequeno Príncipe, é muito amor essa história! *-* Estou com essa edição da Geração pra ler e já me encantei só dando uma olhada por alto. Achei o máximo terem feito em capa dura, e quero muito ler esse apêndice, não conheço muito sobre a vida e a obra do autor.

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  14. Eu ainda lembro que li quando era pequena. Li em poucas horinhas :3
    Incrível como uma obra pode tocar tantas pessoas dentro de uma faixa de idade tão diferente <3
    Essa edição está muito perfeita.
    Para todos os apaixonados pelo pequeno príncipe é uma edição que está na categoria Must Have.
    Bjs

    Www.horadaleitur.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  15. Eu li esse faz tanto tempo!
    Tenho que reler!

    maisumleitor.wordpress.com

    ResponderExcluir

Olá, leitor

Obrigado pela visita. Espero que tenha gostado do material do post. Tenha certeza que ele foi preparado com muito carinho na intenção de agradar você, leitor. Sintam-se convidados para compartilhar suas impressões, comentários e opiniões sobre o assunto. É sempre um prazer receber sua visita. Voltem sempre!

- Leio todos os comentários e respondo sempre que tiver tempo!
- Os comentários que não tenham relação com o post NÃO serão retribuídos, isso envolve, convites para promoções, conhecer novos blogs e spams.
- Ao fazer seu comentário, deixe seu link que eu adorarei fazer uma visita ao seu blog.

Obrigado pelo comentário :D

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...